Hino para negros? 

Ataque aos evangélicos?

      Que papo é esse de hino à Negritude? Não posso acreditar que a Comissão de Constituição e Justiça brasileira tenha aprovado projeto de lei que oficializa o hino aos negros! Isso dá inveja a Hitler, Stalin. Racismo oficializado pelo poder público. A proposta segue para a Comissão de Educação e Cultura e Esporte e será aprovada.

      O mestre da proeza é o deputado Vicentinho do PT de São Paulo. O Senador Paulo Paim aprovou a ideia. Agora, imaginem a criação do hino aos brancos, índios, pardos, mamelucos. Viva a discriminação que uns chamam erroneamente de preconceito! Existe algo mais ridículo que isso? Hino a uma raça? Mas isso não é o cumulo da proteção? Mas os negros precisam de protecionismo como se fossem uns coitados, idiotas e humilhados?

     Que coisa feia! O mais interessante é que na letra do hino estão as palavras “axé” e “orixá”, palavras usadas como “hino” pelas religiões afros-umbandistas. Como fica o negro evangélico? Seria o hino uma provocação aos cristãos católicos e evangélicos? Então quer dizer que os negros têm que seguir as religiões afro ou é sugestionamento? Um hino universal com enfoque africano?

    Deputados criam essas porcarias, acabam fomentando mais discriminação ainda, além do mal estar. Um hino que quer unificar os negros, reforçar a raça, mas que faz apologia a um dogma específico? Ora, que fiasqueira!

    O hino é um avantajado hipócrita de asneiras.

    Não ao racismo!

    Respeitem os negros!

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!