Currículo

 

        Di Martino, natural de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, tem 47 anos; é formado em Jornalismo pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos, São Leopoldo, Rio Grande do Sul. Trabalhou em inúmeras instituições de rádio, televisão e jornal. Rádio Guaíba, Bandeirantes, Jornal do Comércio como articulista, jornal militar Ombro a Ombro, assessoria de imprensa do  Governador Antonio Britto, do deputado Estadual Alexandre Portal, do candidato ao governo do Prona Professor Irapuan Teixeira e de vários candidatos do Partido de Reedificação da Ordem Nacional (Prona); assessoria de imprensa do partido Prona; na editoria de rádio do Palácio Piratini, Governo do Estado. Proprietário do extinto jornal Enfoque Gaúcho. 

       Esteve na Direção da Coordenação de Programação da TV Porto Alegre, canal 06. Foi criador do programa Doa a Quem Doer!,  o primeiro programa no Brasil que listou e comentou  a morte pela guerrilha comunista de mais de 100 (cem) pessoas durante o período militar.

      Escritor. Publicou o livro É Proibido! em 2005,  onde sugere a proibição do uso do símbolo comunista no Brasil. Em 2007, foi eleito pela revista VIP-RS, como jornalista Destaque pelo trabalho executado na TV Porto Alegre e pela singularidade do programa Doa a quem Doer!.   

     Autor do livro em PDF  "A blindagem da vergonha! O que a verdade esquece de contar..." -Livro feito para ser um guia esclarecedor para os estudantes sobre a guerrilha comunista no regime militar no Brasil.  Ainda não divulgado.

     Atualmente, mora no município de Cidreira, litoral norte gaúcho, e é funcionário público concursado. Também possui um programa de radiojornalismo e música na rádio Cidreira FM 105.9, articulista em jornais da região. Divulga o terceiro livro em PDF "A farsa dos crimes homofóbicos no Brasil!".


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!